Curiosidades

  • Patrocinado por:

  • Busca

    Palavra Chave:

    Data:





Curiosidades


Assunto: Programa Brasileiro de Reciclagem
País: Brasil
Fonte: ABRE
Data: 8/2004
Enviado por: Rodrigo Imbelloni
Curiosidade (texto):
Introduo

--------------------------------------------------------------------------------


A reciclagem se compe de uma atividade industrial que processa uma matria-prima transformando-a em outra matria-prima com maior valor agregado e posteriormente num novo produto.
A reciclagem vista de maneira mais ampla a criao de valor econmico, emprego e renda a partir da recuperao de produtos j utilizados. Esta atividade envolve de maneira indissocivel fatores sociais, econmicos e ambientais.

O Programa Brasileiro de Reciclagem tem por objetivo estimular a reciclagem de embalagens e criar mecanismos para que ela se torne mais abrangente e efetiva, aumentando os elevados ndices j computados no Brasil:

ndices de reciclagem dos diferentes materiais de embalagem:


Alumnio 87%
Ao 42%
Longa Vida 20%
Papelcarto 39%
Papelo Ondulado 74%
PET 40%
Plsticos em geral 21%
Vidro 39%



A reciclagem e suas dimenses atuais

--------------------------------------------------------------------------------


O que o Brasil tem a ganhar com a reciclagem? Por que o governo deve criar o PBR?

O governo deve encabear a criao do Programa Brasileiro da Reciclagem, a exemplo do que j fez em outras reas, pois tem o poder articulador de estimular o envolvimento dos trs agentes responsveis pela promoo da reciclagem: o Poder Pblico, a Sociedade e o Setor Produtivo, criando mecanismos para que esta atividade possa ampliar os benefcios que vm proporcionando de gerao de renda, emprego e valor econmico para o pas.

A reciclagem j acontece de maneira crescente no Brasil por meio de iniciativas isoladas e pontuais e a sua articulao integrada agregar ganhos de escala e eficincia operacional.

Hoje contamos no Brasil com um parque industrial j instalado e operante capaz de reciclar os diferentes materiais de embalagem disponveis no mercado. Este parque industrial constitui-se, em alguns casos, da prpria indstria de embalagens, mas em geral trata-se de um novo segmento industrial que processa esta matria-prima e a vende para diversos setores como indstria automobilstica, txtil, construo civil, utenslios de plstico e at mesmo embalagem, respeitando-se os regulamentos da ANVISA pertinentes ao acondicionamento de alimentos.

Como os demais segmentos da indstria, a Indstria Recicladora necessita ter a sua eficincia operacional e econmica para se manter ativa e crescente, ganhando economia de escala.

O Brasil considerado referncia para o mundo por meio de seu modelo de reaproveitamento de materiais que nasceu naturalmente do valor econmico destes, gerando simultaneamente ganhos sociais e ambientais, atendendo assim ao estudo internacional compilado no Relatrio Nosso Futuro Comum (Eco 92), que evidencia os fatores econmicos, sociais e ambientais como indissoluvelmente ligados.

Ao mesmo tempo, segundo a ISO 14062 referente ao Ecodesign - projeto de desenvolvimento de produto que leve em considerao a sustentabilidade e minimizao dos impactos ambientais, deve-se olhar o meio ambiente como um todo e no deixar que uma ao especfica em prol deste cause outros danos paralelos, ou seja, necessita-se buscar solues globais que maximizem as funes e resultados dos produtos e servios j existentes, e no a criao de sistemas paralelos.


Desta forma conclui-se que as estruturas j existentes precisam ser valorizadas e maximizadas em seu potencial, buscando ganhos abrangentes para o meio ambiente.

Contamos em nosso pas, segundo estipulado pela Constituio Federal, com servios de saneamento bsico e de coleta de resduos urbanos disponibilizados pelo poder pblico. Paralelamente, programas de entrega voluntria de reciclveis organizados pela sociedade civil, contemplando a realidade social bra